sábado, 9 de outubro de 2010

Diário dos Mortos

Há, eu adoro zumbis!

Esse é o quinto filme do Romero, o grande mestre dos zumbis. Não teve uma recepção do público muito boa, dado a estrutura de roteiro e tensão dos filmes anteriores, mas ainda assim eu considerei um bom filme.

Assisti ele hoje, depois de meses dele no meu note. Mas isso tudo porque eu sou preguiçosa mesmo.

Enfim:
  • Nome original: Diary of the Dead
  • Nome em português: Diário dos Mortos
  • Ano: 2007
  • Direção: George A. Romero
  • Roteiro: George A. Romero
Sinopse: Um grupo de estudantes está gravando um filme de terror quando é noticiado que os mortos estão voltando a vida. Decidido a mostrar a todos a verdade na internet, um dos estudantes começa a gravar a ação do grupo, em abandonar a faculdade e voltar pra casa.

Esse filme tem ligação com o primeiro filme do Romero - Night Of The Living Dead de 1968, onde os mortos ainda não haviam dominado tudo. Mas os próprios personagens refletem esse futuro em suas frases durante o filme. Eles sabem que não há o que ser feito com os zumbis e que não há como pará-los, porque sempre estarão andando por ai. O que resultaria na Terra dos Mortos.

O que eu gostei do filme? Zumbis do Romero são os melhores, lentos, implacáveis e com a Fome evidente em seus dentes.
O que eu não gostei? O final, eu achei um pouco broxante, embora dentro da idéia apresentada no filme, não tinha final mesmo que não fosse aquele.
Personagens? Eles se adaptaram a situação porque querem sobreviver. E quem não ia conseguir, logo foi tirado de circulação.

A desinformação leva ao pânico e o que era noticiado na TV ou Rádio levava ao pânico. Claro, o que mais fazer sendo que você abre o vocêtubo e vê que em todo o mundo os mortos estão despertando? Sim, é pra ter pânico. Você chegar num hospital, ele estar vazio e com pessoas mortas andando lentamente pelo corredor é algo assustador.

O que foi horrível mesmo é que o cara ficava gravando, ele tinha sido absorvido pela posição de espectador, enquanto via os amigos serem perseguidos e atacados por zumbis. Isso é uma crueldade, mas alguém precisava mostrar. A ideia do Jason, o que fica filmando, é exatamente essa, de transformar os amigos em personagens da nova realidade com os zumbis.

O mais assustador nos zumbis do Romero é que eles são lentos. Dá pra você fugir, mas eles nunca vão desistir de persegui-lo. Mesmo que lentamente, eles vão continuar... Eu prefiro esses aos que corre, ao menos parece que você tem mais chances com os lentos. Os que correm não dá, você perde o fôlego e se cansa, eles não, estão mortos e não tem porque se preocupar com isso - e essa ideia é assustadora.

2 comentários:

Luh disse...

Eu també adoro zumbis *-*
E gatos, vampiros, animes...
coincidências?
rsrsrsrsrsrs
Verei o filme!

Nymus disse...

Hahahahaha.

Verdade! São muitas coincidências...

Mas zumbis são meus favoritos *-*
Adoro um bom e lento zumbi...